Criação de logo é coisa séria. Exige habilidade em diversas áreas, como cálculo, percepção visual, criatividade, senso crítico e interpretação, entre outras. Para criar um logotipo é preciso dominar diferentes técnicas de design, incluindo o uso das cores para os logotipos de arquitetos.

O processo de criação do logo considera a aplicação da psicologia das cores e também da teoria das cores para chegar a um símbolo que represente a identidade visual da empresa, de forma destacada no mercado.

Como as atribuições do profissional de arquitetura são a idealização e projeção de espaços para fins residenciais, comerciais e urbanos, entre outras, é fundamental que a criação de logotipo para arquiteto comunique a personalidade da marca e transmita a imagem que o profissional quer passar para o mercado.

Conheça um pouco mais sobre o significado das cores nos logotipos de arquitetos e veja se a sua marca está no caminho certo.

As cores e o cérebro

O cérebro humano se comporta de diferentes maneiras diante das informações captadas visualmente, por isso, o significado das cores na criação de logotipos é muito importante para a gestão de marca.

A forma como as cores são recebidas e compreendidas pelo cérebro pode afetar a percepção do consumidor a respeito de importantes atributos de marca, como qualidade, preço, posicionamento etc., influenciando seu comportamento de compra.

Isso ocorre, porque as cores despertam reações psicológicas como ansiedade, calma e impulsividade, entre outras. Elas também podem causar reações fisiológicas como sono, fome e irritabilidade, podendo alterar o humor das pessoas s e influenciá-las em suas decisões.

Teoria das cores

O uso bem sucedido das cores depende da harmonia entre elas, isso pode significar completude ou contraste, de acordo com as relações cromáticas estabelecidas a partir do círculo de cores abaixo.

teoria-das-cores-O-significado-das-cores-na-criação-do-seu-logotipoFonte: Design Culture

Psicologia das cores

Confirmando as recentes descobertas do Neuromarkerting, cada cor estimula diferentes partes do cérebro.

  • Preto: parte do cérebro que regula o comportamento sexual, a agressividade e o medo;
  • Branco: seção responsável pelo pensamento lógico e pela competência comunicativa;
  • Laranja: área ligada ao prazer e necessidade de repetição da experiência prazerosa;
  • Cinza: mecanismo de distribuição de hormônios relacionados à sensação de prazer;
  • Roxo: região do cérebro relacionada ao planejamento de ações e de movimento;
  • Rosa: sistema de recompensa relacionado à saciedade de sede, fome e sexo;
  • Verde: região cerebral ligada às decisões e ao pensamento criativo;
  • Marrom: estrutura que responde pelas emoções;
  • Vermelho: área cerebral ligada ao prazer;
  • Amarelo: sistema de recompensa.

Confirmando os achados da neurociência a respeito da psicologia das cores, alguns estudos apontam como elas influenciam o comportamento do consumidor:

  • Para 87% dos consumidores, a cor é uma das principais razões de escolha de um determinado produto;
  • 60% dos consumidores acreditam que a cor é responsável pela aprovação ou rejeição de uma marca;
  • Quase 90% do público concorda que a avaliação de uma marca é baseada apenas nas cores;
  • 80% das pessoas acreditam que as cores aumentam o reconhecimento da marca.

Veja como o significado percebido de cada cor pode fortalecer a construção de uma marca:

psicologia-das-cores-O-significado-das-cores-na-criação-do-seu-logotipoFonte: Neil Patel

Dessa forma, podemos concluir que o uso da cor adequada no logotipo tem forte impacto sobre a estratégia da marca, com significativo impacto sobre os resultados da empresa..

Criação de logotipo

O estudo de cores para o desenvolvimento de uma marca deve considerar, entre outros aspectos, o segmento, o público-alvo, o produto ou serviço oferecidos, o posicionamento e a localização da empresa ou local de atuação do profissional liberal.

Para escolher a paleta de cores adequada, é preciso pensar em um logo que seja distintivo o suficiente para que a marca seja reconhecida entre outras no mercado.

Embora a grafia e a tipologia de uma marca sejam aspectos muito importantes do logotipo, as cores são um método instantâneo para transmitir significado sem palavras.

A cor é o componente visual que mais faz as pessoas de recordarem de uma marca, mais do que as formas, símbolos, números e palavras.

A criação do logotipo é o ponto de partida da marca. A partir dele será desenvolvida a identidade visual da marca, que vai permear toda a comunicação da empresa, influenciando na venda de seus produtos e serviços.

Dada tamanha importância da criação de logotipo para arquitetos, convém avaliar muito bem o profissional que vai desenvolver a sua marca. Pesquise e informe-se antes de escolher.

Gostou desse artigo sobre o significado das cores na criação do seu logotipo?

Acompanhe outros posts no nosso blog.